terça-feira, novembro 10, 2015

sábado, agosto 29, 2015

Elza Soares dá Um Basta a Violência Contra a Mulher


http://iteliosprod.s3.amazonaws.com/audio/features/Maria_da_Vila_Matilde_Final.mp3



VEJA ABAIXO, A LETRA EM QUE ELZA SOARES CANTA SE POSICIONANDO CONTRA A VIOLÊNCIA DOMÉSTICA, DA QUAL, MUITAS MULHERES SÃO ATINGIDAS ININTERRUPTAMENTE.

Maria da Vila Matilde
Autoria: Douglas Germano
Interpretação: Elza Soares

Cadê meu celular?
Eu vou ligar prum oito zero
Vou entregar teu nome
E explicar meu endereço
Aqui você não entra mais
Eu digo que não te conheço
E jogo água fervendo
Se você se aventurar

Eu corro solto o cachorro
E, apontando pra você
Eu grito: péguix guix guix guix
Eu quero ver
Você pular, você correr
Na frente dos vizinhos
Cê vai se arrepender de levantar
A mão pra mim

Cadê meu celular?
Eu vou ligar prum oito zero
Vou entregar teu nome
E explicar meu endereço
Aqui você não entra mais
Eu digo que não te conheço
E jogo água fervendo
Se você se aventurar

Eu corro solto o cachorro
E, apontando pra você
Eu grito: péguix guix guix guix
Eu quero ver
Você pular, você correr
Na frente dos vizinhos
Cê vai se arrepender de levantar
A mão pra mim

E quando o samango chegar
Eu mostro o roxo no meu braço
Entrego teu baralho
Teu bloco de pule
Teu dado chumbado
Ponho água no bule
Passo e ofereço um cafezim
Cê vai se arrepender de levantar a mão pra mim

Cadê meu celular?
Eu vou ligar prum oito zero
Vou entregar teu nome
E explicar meu endereço
Aqui você não entra mais
Eu digo que não te conheço
E jogo água fervendo
Se você se aventurar

Eu corro solto o cachorro
E, apontando pra você
Eu grito: péguix guix guix guix
Eu quero ver
Você pular, você correr
Na frente dos vizinhos
Cê vai se arrepender de levantar
A mão pra mim

E quando tua mãe ligar
Eu capricho no esculacho
Digo que é mimado
Que é cheio de dengo
Mal acostumado
Tem nada no quengo
Deita, vira e dorme rapidim
Você vai se arrepender de levantar a mão pra mim

Cê vai se arrepender de levantar a mão pra mim
Cê vai se arrepender de levantar a mão pra mim
Cê vai se arrepender de levantar a mão pra mim
Cê vai se arrepender de levantar a mão pra mim

Mão, cheia de dedo
Dedo, cheio de unha suja
E pra cima de mim? Pra cima de muá? Jamé, mané!

Cê vai se arrepender de levantar a mão pra mim

quinta-feira, agosto 13, 2015

Em outubro acontecerá em Mariana - MG - IV PENSANDO ÁFRICAS E SUAS DIÁSPORAS

Fonte: BLOG MULHER NEGRA

Mais informações:  http://monicaaguiarsouza.blogspot.com.br/

quinta-feira, maio 28, 2015

Dia Internacional de Luta pela Saúde da Mulher e Dia Nacional da Redução da Morte Materna




Hoje é o dia internacional de ação para a saúde das mulheres. O acesso ao ‪#‎abortoseguro‬ é um direito fundamental para a saúde.

sábado, abril 25, 2015

As Mulheres precisam resgatar sua memória

BASTA DE INVISIBILIDADE
Fonte: Ministério da Cultura
Está em exibição no Salão Negro do Congresso Nacional, a exposição "Memórias Femininas na Construção de Brasília" que rememora a construção da cidade pelo olhar das mulheres que chegaram à capital, vindas de todas as partes do Brasil e do mundo. O evento tem apoio do IphanGovBr. Você encontra a programação em http://ow.ly/LXBrG

A História de Colombina, Pierrot e Arlequim na Commedia dell’Arte









Fonte: YouTube: Conexão Jornalismo - Pierrot, Colombina e Arlequim

quinta-feira, abril 16, 2015

segunda-feira, março 23, 2015

FEMINISMO - Que Onda é Essa? Curso de Extensão - UFPB, em abril

As inscrições já começaram e vão até o dia 06-04 ou até completar as 100 vagas. Faça logo a sua inscrição. No departamento de comunicação/ CCTA/UFPB, das 8h as 12h. Taxa de R$5,00 com direito a certificado de extensão de 15horas e presença registrada nos três dias do evento. Aberto a tod@s, não só a comunidade acadêmica. Vai nessa onda!

Para Melhor esclarecimento segue abaixo:
1. O curso é aberto para tod@s interessados, seja da comunidade acadêmica ou não.
2. Serão 100 vagas disponíveis.
3. O curso será no horário das 8h as 12h.
3. A inscrição será do dia 23/03 a 6/04, das 8h as 12h, no Departamento de Comunicação/ CCTA/UFPB.
4. Existem duas modalidades de participação: a) Com presença obrigatória e comprovada nos três dias do curso, com direito a certificado de curso de extensão de 15h e pagamento de taxa de R$ 5,00; b) participações livres, sem taxa e sem certificados.

segunda-feira, março 09, 2015

Morre no dia 08-03-2015 a artista Inezita Barroso aos 90 anos



Maria José de Castro Rebello Mendes, que ingressou no Itamaraty como a primeira mulher diplomata, em 1918.

08 DE MARÇO DE 2015

Fonte: Ministério das Relações Exteriores

O Ministério das Relações Exteriores tem a satisfação de render suas homenagens a todas as mulheres pelo Dia Internacional da Mulher. Nas imagens, Maria José de Castro Rebello Mendes, que ingressou no Itamaraty como a primeira mulher diplomata, em 1918.
Neste 8 de março, o Ministério das Relações Exteriores deseja fazer-lhes chegar os seus cumprimentos e compromete-se a continuar trabalhando para a defesa e a promoção do empoderamento de todas as mulheres, não somente no âmbito internacional, como também dentro do próprio Ministério.
A criação do Comitê Gestor de Gênero e Raça (CGGR) do Ministério das Relações Exteriores, em setembro de 2014, representa esse comprometimento com a busca da igualdade de oportunidades entre mulheres e homens.
Fotos: acervo histórico/Boletim da Associação dos Diplomatas Brasileiros, Ano XV, nº 64, disponível em http://goo.gl/KQtgio [arquivo PDF].
A primeira mulher diplomata do Brasil foi a Nordestina - Maria José de
Castro Rebello
.



quinta-feira, março 05, 2015

NOSSA LUTA CONTINUA - Senado Aprova o Feminicídio Como Crime




O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 8305/14, do Senado, que inclui o FEMINICÍDIO (Assassinato de Mulheres Pelo Simples Fato de Serem Mulheres), como homicídio qualificado,tipificando-o ainda como crime hediondo. Esse Projeto de Lei irá à sanção presidencial para tornar-se lei.
O Feminicídio é qualificado como "Crime de Gênero", porque envolve  violência doméstica, sexual e familiar ou menosprezo e discriminação contra a condição de mulher., ou menosprezo e discriminação contra a condição de mulher. 

Bancada das Mulheres  Parlamentares Comemora a Aprovação do Projeto de Lei - Feminicídio

 
A pena prevista para homicídio qualificado é de reclusão de 12 a 30 anos.O projeto prevê ainda o aumento da pena em 1/3 se o crime ocorrer: 
durante a gestação ou nos três meses posteriores ao parto; 
contra menor de 14 anos, maior de 60 ou pessoa com deficiência;
e  se acontecer na presença de descendente ou ascendente da vítima.

Seja qual for a cultura, nacionalidade, crença , cor da pele, classe social, e mais, esse tipo de crime contra a mulher existe e por isso mesmo é preciso que se puna quem o cometer.

terça-feira, fevereiro 24, 2015

Ana Carolina - Resposta da Rita - Part. Chico Buarque




Resposta da Rita

Ana Carolina

Não levei o seu sorriso
Porque sempre tive o meu
Se você não tem assunto
A culpada não sou eu

Nada te arranquei do peito
Você não tem jeito faz drama demais
Seu retrato, seu trapo, seu prato,
Devolvo no ato pra mim tanto faz

Construí meu botequim
Sem pedir nenhum tostão
A imagem de São Francisco
E aquele bom disco estão lá no balcão

Não matei nosso amor de vingança
E deixei como herança um samba também
Seu violão nunca foi isso tudo
E se hoje está mudo por mim tudo bem.


( Chico Buarque:
A Rita levou meu sorriso
No sorriso dela
Meu assunto
Levou junto com ela
O que me é de direito
E Arrancou-me do peito
E tem mais
Levou seu retrato, seu trapo, seu prato
Que papel!
Uma imagem de são Francisco
E um bom disco de Noel

A Rita matou nosso amor
De vingança
Nem herança deixou
Não levou um tostão
Porque não tinha não
Mas causou perdas e danos
Levou os meus planos
Meus pobres enganos
Os meus vinte anos
O meu coração
E além de tudo
Me deixou mudo
Um violão )


Fonte: www.youtube.com


A MULHER CONQUISTA O DIREITO AO SUFRAGIO ( DIREITO AO VOTO) EM 24 DE FEVEREIRO DE 1932

Foi o início da nossa conquista por cidadania. Porém, até hoje, ainda não alcançamos para nós mulheres a CIDADANIA PLENA. Tem muita luta pela frente.


Instituído no Calendário Oficial do Governo Federal pela Lei nº 13.086 de 2015, o Dia da Conquista do Voto Feminino no Brasil celebra um dos maiores avanços nos direitos políticos da história do país: a garantia do voto das mulheres em 1932, no governo de Getúlio Vargas, por intermédio do código eleitoral.
Garantindo os fundamentos para que – 78 anos e dois regimes ditatoriais mais tarde – a primeira mulher fosse eleita para a Presidência da República, a abertura ao sufrágio feminino é um entre vários avanços institucionais demonstrando que a democracia não nasce pronta, mas se faz e se aprimora a cada novo dia.
Fonte: Comissão de Anistia do Ministério da Justiça

 XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Reposta da Rita 
Autorias: Ana Carolina / Edu Krieger
Interpretação: Ana Carolina

Não levei o seu sorriso
Porque sempre tive o meu
Se você não tem assunto
A culpada não sou eu.


Nada te arranquei do peito
Você não tem jeito faz drama demais
Seu retrato, seu trapo,seu prato,
Devolvo no ato pra mim tanto faz.


Construí meu botequim
Sem pedir nenhum tostão
A imagem de São Francisco
E aquele bom disco estão lá no balcão.


Não matei nosso amor de vingança
E deixei como herança um samba também
Seu violão nunca foi isso tudo
E se hoje está mudo por mim tudo bem.


Se hoje podemos nos expressar de forma independente e, também decidir com liberdade foi  em função de uma luta ferrenhas das SUFRAGISTAS
24 de fevereiro. Há 82 anos acontecia a conquista do voto da mulher no Brasil
Lutamos! Resistimos Conquistamos!